Leiria-In #3: a indústria em movimento

  

LeiriaIN 9

O terceiro dia da Semana da Indústria ficou marcado pelo dinamismo: começou com a visita a 12 empresas, passou por um peddy-paper e terminou com uma corrida nocturna.

Quando recebeu o grupo de participantes da Leiria-In, o diretor da Plasgal começou por alertar que “o tempo da indústria de porta fechada acabou”. A referência do diretor desta empresa de fabrico de plástico da Marinha Grande dizia respeito à oportunidade dada aos estudantes do secundário que participam na Semana da Indústria: durante a manhã de hoje, foram visitadas 12 empresas das regiões da Marinha Grande, Colmeias, Martingança e Barosa.

LeiriaIN 2
LeiriaIN 3

Martos, TJ Moldes, AHA, Ribermold, Tecnimoplas, VIPEX, KLC, Moldoeste, Fozmoldes, Planimolde, Socem e Plasgal abriram, assim, as suas portas durante a manhã, no âmbito da atividade “Uma Manhã Numa Empresa”. Recorde-se que, durante a conferência de imprensa de lançamento do Leiria-In, o secretário-geral da CEFAMOL, Manuel Oliveira, destacou o “o interesse crescente” das empresas em participar na Leiria-In, revelando “um aumento gradualdo número de empresas participantes”.

Desta forma, os cinquenta estudantes do secundário puderam ficar a conhecer o dia-a-dia do setor da indústria: do envolvimento dos diferentes departamentos até às responsabilidades dos vários elementos das empresas.

LeiriaIN 4

Uma viagem em 15 estações
Depois de almoço, no Campus 2 do Politécnico de Leiria, os participantes realizaram um peddy-paper na Escola Superior de Tecnologia e Gestão. Recebendo os estudantes, o sub-diretor da ESTG, Nuno Rodrigues, explicou que teriam duas horas para cumprir uma série de provas espalhadas por esta escola superior. “O objetivo é que conheçam um pouco melhor a nossa escola – a que tem mais alunos dentro do Politécnico de Leiria, com 5000 estudantes”.

LeiriaIN 6
O Sub-Diretor da ESTG, Nuno Rodrigues, acolheu os participantes

 

Desta forma, foi dado o, nas palavras de Nuno Rodrigues, “tiro de partida para uma viagem que passa por vários departamentos”, sendo que, “em duas horas, poderão conhecer aquilo que fazemos”. No total, o peddy-paper contou com 15 estações, espalhadas pelos 9 departamentos da ESTG. Em cada uma das paragens, explicou à Forum Nuno Rodrigues, foi realizada uma atividade “relacionada com o trabalho realizado no âmbito de cada curso”.

LeiriaIN 5

LeiriaIN 7

O sub-diretor anunciou ainda o lançamento de um concurso entre os participantes: a equipa que angariar mais gostos numa foto partilhada nas redes sociais, até sexta-feira, às 18h00, receberá um prémio.

LeiriaIN 8

Antes de jantar, tempo ainda para uma sessão de esclarecimento com alguns responsáveis do departamento de comunicação do Politécnico de Leiria. Durante a sessão, foi possível aos alunos obter novas informações sobre a oferta formativa do IPLeiria, as respetivas saídas profissionais, bem como os programas de mobilidade incluídos.

A caminhada noturna
Para a noite, ficou reservado um momento desportivo pelas ruas de Leiria. Os participantes da Leiria-In integraram as fileiras do Brisas dos Lis Night Run - a iniciativa que coloca, semalmente, a população leiriense a cruzar a cidade, em ritmo de corrida ou caminhada. Durante cerca de uma hora, os estudantes conheceram as ruas de Leiria, numa caminhada que durou cerca de uma hora. 

LeiriaIN 10

LeiriaIN 11