As pesquisas mais improváveis também ganham prémios

O outono traz consigo os reputados prémios Nobel mas também o seu "parente" estapafúrdio, o IgNobel, que elege as descobertas científicas mais estranhas do ano. Tratam-se de estudos e experiências que «primeiro fazem as pessoas rir e depois pensar». Aguenta, não comeces já...
 

Jovens cientistas portugueses entre os melhores na Europa

Foram seis os jovens que com três projetos representaram, este ano, Portugal no mais prestigiado Concurso Europeu de Jovens Cientistas (EUCYS 2018), que termina hoje em Dublin, na Irlanda.
 

IPV acolhe Noite Europeia dos Investigadores

A Noite Europeia dos Investigadores (NEI) chega a Viseu, pelo Instituto Politécnico, a 28 de setembro.
 
O Centro Ciência Viva de Lagos, no âmbito do Programa DiVaM da Direção Regional da Cultura do Algarve, dinamiza o projeto Nova Escola de Sagres na Fortaleza de Sagres nos dias 7 e 8 de julho.
 
 
 
Está a nascer uma pós-graduação para cientistas aprenderem a transformar o conhecimento em negócio. Ao juntar cientistas, empreendedores e empresas, este novo curso pretende que a formação científica avançada seja acompanhada de uma formação direcionada para a gestão da inovação e empresarial.
 
A empresa Takeda promove a Life Enablers, uma iniciativa dirigida a estudantes universitários que pretende acelerar ideias inovadoras que melhorem a qualidade de vida de doentes e das suas famílias.
 
A Escola Superior de Biotecnologia (ESB) da Católica no Porto promove, entre 2 e 27 de julho, uma nova edição da iniciativa que oferece aos jovens do ensino secundário, da área das Ciências e Tecnologias, uma semana de atividades no CBQF – Centro de Biotecnologia e Química Fina.
 

Quando uma máquina reconhece as emoções

 
Investigação da Universidade de Aveiro na área da Computação Afetiva torna possível identificar pessoas e emoções, a partir de um eletrocardiograma. Aplicações vão da área da investigação criminal à Internet das Coisas.
 
A Escola Superior de Tecnologia do Barreiro do Instituto Politécnico de Setúbal (ESTBarreiro/IPS) promove, no dia 6 de junho, as V Jornadas de Biotecnologia/I Jornadas de Engenharia Biológica e Química.
 
Leiria foi a cidade eleita pela Agência Ciência Viva para a comemoração nacional do Dia Nacional dos Cientistas, que se assinala no dia 16 de maio, quarta-feira, às 9h30, no Teatro José Lúcio da Silva. O Politécnico de Leiria participa no evento, com a conferência "Os Caminhos do Conhecimento, o legado de José Mariano Gago".
 
Os Prémios Intel ISEF, atribuídos pela Society for Science & the Public são os mais prestigiados na área da investigação científica para jovens. O evento realiza-se de 12 a 18 de maio, em Pittsburgh, na Pensilvânia.
 
Evento agendado para 21 de abril conta com a participação de 53 alunos do Ensino Secundário de todo o país.
 

Oceanário de Lisboa tem um novo inquilino

 
Há um novo inquilino no aquário central do Oceanário de Lisboa: o tubarão-zebra (stegostoma fasciatum). Esta espécie, ameaçada na natureza, integra um programa europeu de reprodução de espécies entre aquários.
 

Governo chileno "chumba" projeto para proteger pinguins

Plano de extração de ferro que envolvia um investimento de mil milhões de dólares foi rejeitado pelo Governo chileno, de forma a "garantir a  proteção de espécies em risco". 
 

Deixa a tua marca no mundo da Ciência

O concurso “FCT NOVA Challenge” está de volta e deixa-te um desafio: apresentar uma solução para um problema científico concreto. As incrições para a primeira fase terminam a 24 de fevereiro. 
 

O ambiente dos oceanos em estudo

Docente da FCSH/NOVA integra Grupo de Especialistas da ONU sobre o Mar. Avaliação vai incidir sobre aspetos socioeconómicos, no período 2017-2020. 
 
Programa de reintrodução do Departamento de Biologia da Universidade de Aveiro apresenta resultados.
 
Estudo publicado na Nature com a participação de José Alves, biólogo da Universidade de Aveiro (UA) encontra semelhanças entre  comportamentos. 
 

Uma quinta em Chernobyl?

O local do maior desastre nuclear da História pode vir a ser reinventado. A solução para os 1600 quilómetros quadrados que são classificados como “Zona de Exclusão”, devido aos elevados níveis de radiações, poderá passar por “uma das maiores quintas solares do Mundo”.
 

Estudar lontras-marinhas no Alaska

Estudante do Mestrado em Ecologia Aplicada da Universidade de Aveiro ganha bolsa Fulbright e muda-se para o Alasca, para estudar lontras.