SportsWeek #3: Levar a vida na desportiva

  

DSC 8159

O terceiro dia da Semana do Desporto, foi passado com um sorriso na cara: desde uma sessão matinal de Yoga do riso, a uma divertida aula de karaté, com mergulhos na piscina à mistura, as gargalhadas foram som de fundo constante.

O mote do dia foi lançado pela Líder de yoga do riso, Maria João, que convidou os nossos jovens “a rir do nada” logo pela manhã. A especialista explicou que o nosso cérebro não distingue quando rimos de uma piada ou forçamos uma gargalhada: "o simples riso liberta endorfinas que nos relaxam e nos levam a ser mais positivos”.

DSC 8087

DSC 8109

Entre brincadeiras e bochechas vermelhas, as ideias a reter foram a positividade e a procura da felicidade – “A felicidade está dentro de nós, não nos podemos distrair a procurá-la lá fora: ela está nos simples abraços e sorrisos que não damos há algum tempo”, sublinhou Maria João.

DSC 8151

DSC 8141

O dia prosseguiu com dinamismo. Divididos, os participantes assistiram a três momentos organizados pela Escola Superior de Desporto de Rio Maior (ESDRM): Uma aula de karaté; uma passagem pelo mundo de investigação no desporto; e uma última paragem na sessão de suporte básico de vida com a cooperação da Escola Superior de Enfermagem de Santarém.

No Dojo, o docente, Marco Branco, explicou a origem da arte marcial. Apresentou as quatro escolas existentes que apresentam diferenças, mas que partem da mesma base: “todas seguem o princípio das mãos vazias”, vindo do Japão, que significa respeito pelo outro.

DSC 8199

DSC 8175

O objetivo era que os participantes saíssem mais fortes e aprendessem a máxima do respeito, da disciplina e da intenção (de bem treinar). Através de diversos exercícios de técnica e controlo, os estudantes aprenderam que ser rápido é um ponto chave. Não só no karaté, como na vida: “Não existem castigos, apenas prémios que nos tornam pessoas melhores”, salientou Marco Branco.

DSC 8201

Experimentar a investigação em Desporto foi mais um desafio. Acompanhados pelo investigador Ruben Francisco, os estudantes ficaram a conhecer e puderam experimentar o que se faz no mundo da investigação.

DSC 8205

Explicado, passo a passo, o processo para iniciar um estudo, os jovens ficaram com todas as ferramentas para o levar a cabo.

DSC 8216

Noutro momento com os aparelhos técnicos do laboratório, os participantes, mediram a tensão arterial e a composição corporal, de forma a analisar e interpretar  resultados.

DSC 8228

Com o coordenador da Escola Superior de Saúde de Santarém (ESSAUDE), Mário Silva, os 50 selecionados aprenderam o algoritmo de suporte básico de vida (SBV), para que saibam auxiliar em casos de doença súbita.

DSC 8262

Filipe Garaibo, estudante do 3ºano de enfermagem na Essaude, que colaborou no workshop, sublinhou que “o importante desta dinâmica era transmitir e incutir o espírito de salvar vidas, despertar para o bem maior que é a vida humana”. Este treino de SBV pode aumentar as probabilidades de sobrevivência, ao ser bem executado, afirmou convictamente.

DSC 8274

Após uma tarde recheada de mergulhos, piruetas e saltos sincronizados no complexo de piscinas DESMOR, chegou o momento de apreciar e degustar comida saudável. Num workshop dinamizado por uma atual aluna do curso de Atividade Física e Estilos de Vida Saudável, ficámos a conhecer 4 receitas fáceis, práticas e saudáveis para um lanche apetitoso.

DSC 8307

DSC 8313

DSC 8333

Transformados em cozinheiros, os participantes confecionaram uma pizza de melancia, um parfait de frutas e uma musse light à base de banana. A dinâmica terminou com a preparação de uma simples mas charmosa espetada de frutas.

DSC 8364

DSC 8377

 

DSC 8421

Bem nutridos e cansados, os participantes estão em pulgas pelas ondas de Peniche que os esperam.