Everis aposta nos jovens portugueses

  

 

eventt logo claim p rgb

A everis está a investir na formação dos jovens portugueses em áreas que considera essenciais para tirar partido das ferramentas tecnológicas que se afirmam hoje como grandes tendências globais.

Está a fazê-lo através da Academia Digital everis, um programa que já formou mais de 200 alunos de escolas secundárias, centros técnicos, politécnicos e universidades.

“O nosso compromisso com o mercado português passa por potenciar os benefícios que as tecnologias podem trazer aos nossos clientes, contribuindo para aumentar a competitividade das empresas portuguesas e colocá-las na vanguarda da economia digital”, refere Miguel Teixeira, CEO da everis Portugal.

As formações realizadas até ao momento pela Academia Digital everis, 17 no total, estão a cargo de consultores da empresa, o que permite adaptar os conhecimentos às necessidades que identificadas no mercado, abordando as competências e soluções que, sendo atualmente mais procuradas e valorizadas pelos clientes, têm ainda um défice de profissionais com qualificações adequadas, a exemplo da programação em .Net, Java, OutSystems, Cobol, PL-SQL, TIA.

A Academia Digital é, por isso, para a everis uma importante ferramenta de valorização e recrutamento de talentos, como fica comprovado pelos 89 alunos que, após concluírem a formação, foram já recrutados e se encontram atualmente a trabalhar na everis Portugal. Alunos das mais diferentes áreas como a Engenharia Biomédica, Civil, Química, Mecânica, Ambiente, Gestão de Redes ou de Sistemas de Informação.

A everis estima que este ano sejam contratados mais 40 colaboradores provenientes destas academias.

Mas o benefício é mais global, pois permite a reorientação de profissionais de outros cursos para áreas do mercado em que existe uma procura crescente de profissionais com as competências que lhes estão a ser dadas pela Academia Digital everis, tanto em Portugal como por toda a Europa, levando-os assim a posicionar-se entre os escassos profissionais qualificados existentes e conseguir novos postos de trabalho.

A Academia Digital everis continuará, por isso, a fazer novas sessões de formação e tem já agendadas três novas sessões que, segundo se prevê, vão abranger mais de 50 estudantes. Este contributo estende-se também a novas instituições, a exemplo do apoio dado à ‘cadeira’ de Transformação Digital, no Instituto Politécnico de Setúbal.