Regresso às aulas: adianta o relógio duas horas, para chegar atrasado cinco minutos

  

agad

As previsões estão de volta e apenas um bocadinho atrasadas, amigos leitores. Para saber tudo sobre o vosso futuro entrevistei estrelas, interroguei constelações e fui sair à noite com dois cometas, na Discoteca no Fim da Via Láctea. Há novidades boas, menos boas e daquelas que nos fazem soltar apenas um “ai sim?” desinteressado. Querem ver o que o futuro vos reserva? 

Signo do mês: Caranguejo
No período pós-férias, os nativos de caranguejo terão dificuldades em ajustar o relógio interno. Vão começar por adiantar o relógio cinco minutos, depois dez, depois vinte, e por aí em diante, até chegarem a julho de 2020. Depois de verificarem que os croques vão ser a moda de verão, vão fugir a sete pés para o presente.

Leão
Os nativos de Leão vão conhecer, durante este mês, um novo poema, embora exista a possibilidade de não virem a reconhecê-lo como tal. É que eles não sabem nem sonham que o sonho comanda a vida e que cada vez que um homem sonha o mundo pula e avança como bola colorida nas mãos de uma criança.

 

Gémeos
Olá, nativos de Gémeos. Tudo bem? Conseguem ouvir-me? SE EU ESCREVER ASSIM, OUVEM MELHOR? Chegaram-me relatos do plano astral em como tinham ficado com dificuldades auditivas, de tanto ouvirem o Despacito este verão. Bem, o melhor é mesmo desejar-vos as melhoras.

 

Virgem
O Prémio Nobel da Literatura Albert Camus disse, certa vez, que o outono é outra primavera – uma frase que podia ser acompanhada por um yaaaaaaa meeen, a vida é bué da cenas longo e arrastado no final. Contudo, retira dela uma lição: já sabemos que o verão acabou. Mas as estações do ano são assim tão importantes?

 

Touro
Saudades das férias, não é? Fecha os olhos. Imagina uma praia. A areia branca está lisa como se nunca ninguém a tivesse pisado, o mar é de um azul nunca ant… Espera aí. Se estás de olhos fechados, não consegues ler. Vou ter de criar um podcast.

 

Balança
É importante que mantenhas em mente uma das coisas que pode facilitar a tua vida, neste regresso ao Outono: não vale a pena ires para a esplanada, ignorando a chuva, comer gelados como se não houvesse amanhã, enquanto choras, enrolado em posição fetal.


Escorpião
A constelação de Escorpião é uma das constelações mais faladoras do eixo astral. Costuma falar-me muito de vocês, nativos de Escorpião, explicando com detalhe todos os vossos segredos mais íntimos, aqueles que vocês não confessam a ninguém. Assim sendo, o meu conselho para ti é: “Não vai acontecer. A janela tem cortinados laranja e há um gato na casa de banho”. Tu sabes do que estou a falar…

Sagitário
Na Discoteca no Final da Via Láctea, as bebidas vêm nuns copos muito engraçados, moldados em vidro venusiano. Estava eu a bebericar a minha Piñacolada quando me apercebi que, durante o próximo mês, os nativos de Sagitário necessitam de prestar atenção ao que está escrito nos rótulos das embalagens de champô.

 

Capricórnio
Nativos de capricórnio, algumas questões importantes. Será que os quilos que ganhaste no verão são assim tão maus? Será que deves ir já a correr para o ginásio? Será que deves mesmo fazer 30 mil flexões por dia? Será que o novo peso te fica assim tão mal? O meu palpite é “talvez não”. A rever.

via GIPHY

 

Aquário
Com o novo ano letivo, volta também a possibilidade de estar com os amigos e contar todas as coisas interessantes que fizeste no verão. No caso de não existirem assim tão coisas interessantes, inventa. O meu verão, por exemplo, incluiu uma semana em Saint Tropez com os Kardashians. O Kanye manda beijos, já agora.

via GIPHY

 

Peixes
Há alturas em que só nos apetece fingir que não ouvimos e virar costas aos problemas. A principal dessas alturas é a manhã, quando o problema é o despertador. Contudo, não te esqueças: essa não é uma solução sustentável a curto-prazo.

 

Carneiro
Os nativos de Carneiro ficam para o fim e por uma boa razão. Durante todo o verão, foram sempre os primeiros a tomar banho, depois de chegar da praia. É uma questão de equilíbrio astral que agora ofereçam os primeiros lugares aos outros. O verão acabou. Mas a justiça não.

 

via GIPHY