A equipa Blue Power do Agrupamento de Escolas Rio Novo do Príncipe (Cacia, Aveiro) e a equipa EPSM da Escola Profissional Salvaterra de Magos (Santarém) sagraram-se vencedoras na 2ª edição do concurso "Melhor Escola & Energia". Promovida pela Agência para a Energia e em parceria com a Forum Estudante, esta iniciativa visa a divulgação da importância da eficiência energética, nomeadamente elétrica, através do desafio lançado às escolas, públicas ou privadas (3.º Ciclo do Ensino Básico e Ensino Secundário e Profissional), para realizarem um diagnóstico energético às suas instalações, apresentando e analisando possíveis medidas de melhoria do desempenho energético, orçamentadas e com vista à sua implementação.

Das 70 equipas inscritas a concurso, 45 equipas de 33 escolas, representantes de 16 distritos, submeteram projeto no prazo definido, sendo 17 na categoria Ensino Básico e 28 na categoria Ensino Secundário. Os 10 projetos finalistas foram avaliados com base em quatro tópicos, classificados numa escala de 1 a 10. E foi neste ponto que o cenário se complicou, como frisou Gorete Soares na cerimónia de entrega dos prémios (no valor de 5 mil euros) a cada equipa/escola para implementarem as suas soluções energéticas. É que, como frisou esta coordenadora e diretora de projeto da ADENE, «foi muito doloroso mas muito interessante avaliar todos os trabalhos pois todos tinham muita qualidade». Na sessão realizada na sede em Lisboa da Agência para a Energia, esta representante explicou ainda o conceito (-é +) A Tua Equação de Energia, projeto maior onde se insere este concurso Melhor Escola & Energia, mas também uma exposição itinerante, a peça de teatro itinerante Stand By Me, a Academia da Energia e o movimento Embaixadores da Energia.

DSCN6930

Já Maria João Coelho, vice-presidente da ADENE, traçou em linhas gerais a história e os lemas desta agência à jovem plateia de «bons conhecedores dos assuntos energéticos». «Que levem para as suas escolas estes e outros ensinamentos sobre o empenho energético», de modo a que todos juntos sejamos capazes de construir «um Portugal melhor e mais sustentável» foram os votos lançados à despedida.

Também Gonçalo Gil, diretor da Forum Estudante, sublinhou que o objetivo deste concurso não foi só a entrega dos prémios em sim, mas antes a passagem da mensagem, para que alunos e professores percebam e consigam resolver alguns dos problemas energéticos das suas escolas, ao nível da iluminação, do aquecimento ou do controlo de faturas.

DSCN6966

 

No momento de receber o prémio, José Carvalho, professor coordenador da equipa EPSM (composta por João, Raphael, Rúben e Rute), não se esqueceu de realçar «a importância da continuidade deste projeto», enquanto que Luiza Valério, seu homóloga na equipa Blue Power (composta por Adriana, António, Bárbara, Beatriz, Cláudia, Ema, Lucas, Mafalda, Martim, Raíssa, Rita e Vera), avisou que «estamos a desperdiçar aquilo que a Natureza nos dá e que temos de ser mais eficientes».

DSCN6959

 

{module PUB_2}

{module ALWAYS_ON_2}

Pin It