21 885 47 30 | geral@forum.pt

As notícias multiplicam-se e dão conta da expansão do setor do Turismo. Com este crescimento, chega também o aumento no número de postos de trabalho. Que oportunidade é que este cenário representa?

Os números foram revelados recentemente pelo presidente da Confederação do Turismo Português (CTP). À margem de um evento, Francisco Calheiros detalhou que o setor criou, nos últimos anos, 30 a 40 mil postos de trabalho. “Mas só saíram 10 mil formandos por ano”, destacou, sublinhando, “o défice [de mão de obra] é enorme”.

Ao longo dos últimos anos, as notícias sobre o crescimento do setor do Turismo sucederam-se. No que toca a receitas geradas a partir de exportações, por exemplo, passou-se de 7,5 mil milhões de euros, em 2010, para mais de 16 mil milhões, em 2018. Apenas no ano passado, o crescimento foi de 8,1%, estima o Conselho Mundial de Turismo e Viagens (WTTC), destacando que este impacto pode ser avaliado também pelo número de empregos. Atualmente, contabilizam-se mais de um milhão de trabalhadores (mais de 20% do total do país).

pexels photo 1753121

A performance do setor continua a registar um crescimento favorável. Segundo os dados mais recentes do Turismo de Portugal, durante o ano de 2018, registaram-se subidas nos principais indicadores: Receitas Turísticas (+9,6%), Passageiros desembarcados (+6,8%) e Hóspedes (+3,8%). Por outro lado, um dado importante a reter é a “contínua redução da sazonalidade”, ou seja, da concentração da atividade turística nos meses de julho, agosto e setembro.  

O papel do Turismo

A redução nacional da taxa de desemprego também se deve, em parte, ao dinamismo deste setor. De acordo com António Correia de Campos, presidente do Conselho Económico e Social, entre 2017 e 2018, foram criados 100 mil novos empregos em Portugal, 40% dos quais se inserem na atividade turística.

O aumento do número de postos de trabalho foi sobretudo impressionante na área do Alojamento e Restauração, com um aumento de 5300 empregos, face a 2017 (+1,6%). O total de trabalhadores desta área representa, por sua vez, quase 7% do total da Economia portuguesa.


Entre 2017 e 2018, foram criados 100 mil novos empregos
em Portugal, 40% dos quais se inserem na atividade turística.



Este crescimento não deverá ficar-se apenas pela quantidade de postos. De acordo com o semanário Expresso, as associações turísticas antecipam uma tendência de melhorias salarias em 2019. “Há neste momento margem para subir os salários para sustentar o crescimento que estamos a ter”, considera o presidente da Confederação do Turismo Português, que assegura: “já tem havido aumentos no setor e deverão continuar”.

Também aqui a justificação prende-se com o crescimento da oferta de emprego. Mas também com a qualificação profissional. De acordo com Bruno Lima, do grupo Turim Hotels, é a exigência de trabalhadores qualificados que poderá ser chave neste processo. “Há cada vez mais necessidade de contratar pessoal com formação específica nesta área, o que consequentemente leva a melhores salários", garantiu ao Diário de Notícias.

 

pexels photo 2124682


Qualificar para vencer

A necessidade de mão de obra qualificada leva a uma aposta estratégica do Turismo Portugal na sua formação, ministrada através de uma rede escolar nacional que inclui 12 estabelecimentos de Ensino. Estas escolas possuem, na sua oferta formativa, cursos de nível 4 e nível 5, nas diferentes áreas de atividade no setor do Turismo. Ao longo das próximas páginas, poderás encontrar algumas das principais profissões associadas.

 

No total, esta rede escolar conta com mais de 3050 alunos, divididos em 160 turmas. A tendência tem sido de crescimento, com um aumento no número de alunos registado em 2018. Cerca de 36% frequenta Cursos Profissionais, enquanto 64% são estudantes dos Cursos de Especialização Tecnológica.

Recentemente, o Turismo de Portugal procedeu a uma revisão curricular, de forma a atualizar os planos de estudos às necessidades do setor. Neste momento, a oferta formativa responde às principais necessidades de qualificação, nos segmentos da restauração, alojamento e turismo, designadamente: cozinha, pastelaria, restaurante, bar, alojamento hoteleiro, turismo cultural e animação turística, estando a desenvolver trabalhos para responder a outros segmentos de atividade.


Pub FINDE_U
Pub Lisboa Games Week
Pub Glion2
Últimas - Tourism Academy
Tourism Academy
13 Julho 2019

Na mesma avenida de Olhão fomos conhecer dois motores turísticos da cidade. À noite foi tempo de sunset party e despedidas na EHTA.

Tourism Academy
11 Julho 2019

Parque Aventura de manhã e Zoomarine à tarde. Depois da diversão na zona de Albufeira, a comitiva preparou o seu próprio jantar e falou com ex-alunos da EHTA.

Tourism Academy
10 Julho 2019

O 3.º dia da Tourism Academy ficou marcado por experiências únicas: aula de canoagem, visita aos bastidores do Aeroporto Internacional de Faro e eco-peddy paper pela reserva natural Ludo.