O evento, integrado no projeto de responsabilidade social da associação, “Falar Claro”, vai contar com a presença do ator Tiago Teotónio Pereira e do humorista e youtuber Diogo Batáguas, que irão conversar com os estudantes sobre os perigos do consumo de bebidas alcoólicas por jovens menores de idade. A iniciativa tem o apoio da Câmara Municipal de Matosinhos.

“Apesar de o consumo de álcool entre os adolescentes, em Portugal, ter diminuído nos últimos anos, vários estudos revelam que o consumo de bebidas alcoólicas por menores de idade é cada vez mais precoce. Os Cervejeiros de Portugal têm procurado desenvolver, de forma continuada, em parceria com a sociedade civil e as comunidades locais, ações e ferramentas que auxiliem professores e educadores a abordar esta questão e alertem os jovens para os malefícios do consumo precoce de bebidas alcoólicas”, explica o secretário-geral dos Cervejeiros de Portugal, Francisco Gírio.

O encontro, subordinado ao mote “Para seres curtido não tens de ter bebido”, vai decorrer num formato informal e descontraído. “Sabemos que os influenciadores têm hoje uma grande capacidade de impactar e influenciar a tomada de decisões dos jovens, como tal consideramos esta parceria estratégica para chegar a este público alvo e potenciar os efeitos de ações de sensibilização como esta”, sublinha Francisco Gírio. Através do projeto “Falar Claro”, dirigido a escolas e famílias, e desenhado em parceria com a Confederação Nacional das Associações de Pais (CONFAP) e a Associação Nacional de Professores (ANP), os Cervejeiros de Portugal têm assumido um papel ativo na educação dos jovens menores de idade, no que respeita aos perigos associados ao consumo precoce de bebidas alcoólicas. “É fundamental a aposta em programas educacionais dirigidos aos menores e às famílias que permitam combater o consumo ilegal de bebidas alcoólicas por menores”, destaca Gírio.

Numa primeira fase do projeto, os Cervejeiros de Portugal editaram o manual “Falar Claro”, da autoria do psiquiatra de infância e adolescência, António Lorena Trigueiros, distribuído a professores, educadores e técnicos que atuam na área, que visou ser uma ferramenta para ajudar os pais a abordar a questão do consumo de álcool junto dos filhos. Já este ano, foi lançado um vídeo pedagógico de animação que, através de uma linguagem simples e imediata, procura alertar os menores de idade para as implicações do consumo excessivo e extemporâneo de bebidas alcoólicas e desmistificar os principais mitos associados a este consumo. Depois de Matosinhos, os Cervejeiros de Portugal pretendem, a breve prazo, levar o “Falar Claro” ao centro e sul do País.