21 885 47 30 | geral@forum.pt

'Peregrino da Liberdade' é lançado 18 anos depois do encontro com Ricardo de Saavedra, o primeiro jornalista português a entrevistar o líder budista.

Perfazem-se 80 anos da descoberta do tulku, 60 da fuga para a liberdade, 30 dos maiores massacres no Tibete e da atribuição do Prémio Nobel da Paz. Este é o mote para a publicação de 'Peregrino da Liberdade' Dalai Lama XIV, uma biografia minuciosa e completa do grande líder espiritual do budismo tibetano.

Ricardo de Saavedra foi o primeiro jornalista português a entrevistar o atual Dalai Lama em Dharamsala e a acompanhar uma peregrinação comemorativa do abandono de Lhasa e a sua partida para a Índia – a mítica e perigosa fuga do Dalai Lama, perseguido pelas autoridades e pelo exército chineses. Este livro resulta de muitos minutos de entrevista gravada: inclui os gestos, a peregrinação e a aura do entrevistado. Com documentos inéditos e fontes locais, além de fotografias igualmente inéditas, Ricardo de Saavedra – autor de 'O Puto' (um livro sobre os anos da revolução portuguesa, prestes a ser adaptado à televisão) e da biografia de António Manuel Couto Viana – elabora uma biografia direta, simples, acessível, num momento em que o budismo regista cada vez mais adeptos no nosso país.

A sessão de lançamento decorre a 27 de março, às 18:30, no El Corte Inglés, em Lisboa, com apresentação de Paulo de Morais e a participação de Balkrishna Maganlal e de Alexandra Correia.

Pub Huawey PSmart+
Pub IPSantarem
Pub Guia Pós-Graduações 2019
Últimas - Livros
Livros
22 Julho 2019

'Assassinos da Lua das Flores', de David Grann, volta a juntar a dupla de sucesso em Hollywood: Leonardo DiCaprio e Martin Scorsese.

Livros
17 Julho 2019

No ano em que se assinalam os 500 anos da morte de Leonardo, Walter Isaacson narra com rigor e detalhe histórico as fascinantes vida e mente deste símbolo da Renascença.

Livros
16 Julho 2019

Um jovem escritor, José, é incumbido de escrever a vida do consagrado escritor, José. Este é o ponto de partida do livro que marca o regresso de José Luís Peixoto ao romance, quatro anos depois de Em Teu Ventre.