“Eles não sabem nada sobre nós, não sabem nada, não percebem mesmo nada”, diz o rapaz, imobilizado numa cama, referindo-se aos adultos. Dois amigos visitam-no e tentam perceber o que se passou. Mas as palavras perdem sentido. As imagens nas redes sociais falam mais alto e mais depressa. Os três guardam segredos que os afastarão de forma violenta. Até aparecer uma desconhecida, tão isolada quanto eles, que parece deter a palavra mágica para abrir a “caverna”.

Eis a sinopse de Alma “a história de quatro adolescentes em busca de um futuro que apazigue o vazio dos dias”, em cena na Sala Vermelha do Teatro Aberto, em Lisboa. Tiago Correia assina este texto vencedor da edição de 2018 do Grande Prémio de Teatro Português SPA/Teatro Aberto. A dramaturgia é de Pedro Filipe Marques e Cristina Carvalhal, também encenadora. É ela que define à FORUM esta história teatral como “quatro adolescentes em conflito, antes de mais consigo próprios”.

 

 

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Alma, de Tiago Correia | Estreia 30 de Janeiro Em contagem decrescente para a estreia de " Alma". Não perca este espectáculo em cena na Sala Vermelha a partir de dia 30. Bilhetes à venda na BOL e reservas na nossa bilheteira. +info: www.teatroaberto.com Reservas: 213 880 089 Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. . . #alma #teatroaberto

Uma publicação compartilhada por Teatro Aberto (@teatroaberto) em

 

 

“Frases curtas. Silêncios breves. Sob um aparente diálogo há toda uma conversa a que não temos acesso. O excesso de energia, desejos, vulnerabilidades, ideais e hormonas que associamos a este “começar da estrada”, explica Cristina carvalhal.

Bernardo Lobo Faria, Bruna Quintas, Guilherme Moura e Sofia Fialho compõe o elenco da peça que gira em torno de um rapaz imobilizado numa cama que é visitado por dois amigos. Alma é um espetáculo para maiores de 16 anos, com cenário e figurinos de Ana Vaz, desenho de luz de Cárin Geada, sonoplastia de Sérgio Delgado e trabalho de vídeo de Pedro Filipe Marques. Sessões às quartas-feiras, sextas-feiras e sábados às 21h30, às quintas-feiras às 19h00, e aos domingos às 16h00.

 

 

Pin It